quarta-feira, 23 de julho de 2014

Curso de Formação de Professores em Dança de Salão e Montagem Coreográfica.

JUSTIFICATIVA 

A dança de salão promove sensação de bem-estar, trazendo equilíbrio emocional. Pode contribuir na formação do ser humano como um todo e no resgate de sua auto-estima. Pretende-se, com o movimento e a dança, proporcionar ao individuo uma consciência do seu corpo de forma global e entender a importância do conhecimento, deste e de suas possibilidades para seu bom funcionamento, além de melhorar as relações sociais.
Sendo assim, o uso da dança de salão parece ser compatível com os objetivos a serem alcançados.

PUBLICO ALVO - PERFIL PROFISSIONAL
Voltado para estudantes "em curso" quanto para profissionais que buscam capacitação, qualificação, habilitação ou atualização na área da Dança de Salão com sensibilidade artística e capacidade de reflexão. 
É importante que os candidatos saibam as diferenças dos ritmos e suas histórias, conhecimentos que serão propiciados a partir de aulas ministradas por especialistas na modalidade salão.

PRÉ-REQUISITO
O candidato deve estar vivenciando a dança de salão como aluno em qualquer instituição com caráter lúdico recreativo dos ritmos (mínimo) Samba de gafieira, Bolero, Soltinho, Forró, Salsa e Cha-cha-cha.
Observando que não é obrigatório, mas para um melhor rendimento o aluno deve buscar informações sobre Tango, Milonga, Rumba, Bachata, Merengue, Zouk, Valsa, Pagode e Samba Rock.

MERCADO DE TRABALHO
Academias, clubes, condomínios, navios de turismo, escolas, teatro, televisão, cinema, eventos empresariais, festivais, projetos sociais e de pesquisa e espetáculos diversos.

OBJETIVO
Oferecer possibilidades de atualização e habilitação para o exercício de Arte-educador, Instrutor, Dançarino e Coreógrafo de dança de salão.
Despertando a consciência para o valor da dança de salão enquanto atividade física, cultural e de lazer que desenvolve o domínio do movimento através de habilidades motoras específicas e a autoconsciência do corpo por meio da sensibilidade sinestésica.

DURAÇÃO E HORÁRIOS
Aulas um domingo por mês ou esporadicamente aos sábados das 8h30 às 12h00.
(4 semestres = 84 horas-aula + 60 horas de estagio, total de 144 horas-aulas).

ESTÁGIO
60 horas sendo:
30 horas na própria instituição e 30 horas em outra instituição.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DE PROGRAMA
Origem dos ritmos e suas historias; 
Melodia, Ritmo e harmonia,
Técnica de movimento e consciência corporal na dança de salão com Samba de gafieira, Pagode, Samba Rock, Bolero, Soltinho, Forró, Salsa, Zouk, Merengue, Cha-cha-cha, Tango e Milonga.
Didática do teatro aplicada à dança.
Improvisação e estudos coreográficos.
Jogos em Dança de Salão
Habilidades motoras básicas.
Marketing de serviços e web marketing aplicado à dança de salão.

DIFERENCIAIS DESTE CURSO
Certificação como Professor e Coreógrafo de Dança de Salão.
Curso profissional de nível técnico com registro em cartório.
Ao final do curso o participante será  capaz de:
Lecionar aulas de Dança de Salão em diversos ritmos atendendo a várias faixas etárias.
Será capaz de estruturar projetos de para atender a rede publica e pontos culturais.
Obs:
Após a conclusão do curso o aluno também pode optar pelo programa de estagio para receber o Certificado Internacional emitido pela 
Conselho Internacional de Dança CID, Paris.

COORDENAÇÃO E DOCENTE: RENATO MOTA,
Começou cedo. 
Aos 09 anos de idade já descobriu sua vocação pela dança. Aprimorou seu talento se dedicando aos estudos intensamente na área da dança. Pós-Graduado pela Universidade São Judas Tadeu em São Paulo, se especializou em Arte-Terapia, dedicando parte de seu conhecimento ao desenvolvimento e pesquisa na Dança-Terapia. Além disso, é professor e coreógrafo profissional de dança de salão desde 1988, trabalhando com iniciantes e profissionais com grande reconhecimento na dança. Com toda esta experiência,  montou diversas coreografias para competições e mostras de dança tendo participado de Festivais como Joinville, Passo de Arte, Enda, Mapa Cultural Paulista entre outros.
Hoje continua seus estudos em busca de um melhor aprendizado para seus alunos, participando de festivais, apresentações e shows para empresas, assessoria em cursos de dança, programas de televisão e professor de centenas de alunos matriculados em sua escola.
Membro do Conselho Internacional de Dança CID.



DOCÊNCIA EXTERNA.
Professores convidados. 

Ricardo Garcia - www.conexioncaribe.com.br
Atuação em Salsa Cubana, Rueda de Casino e cha-cha-cha.

Philip Miha – www.zouk.etc.br
Atuação em Zouk.

Rodrigo Oliveira
 & Karina Carvalho – www.clubelatino.com.br 
Atuação em Salsa La. on 1 e 2

Emilio Ohnuma - www.dancart.com.br
Atuação em Dança de Salão

Ataliba – www.facebook.com/cia.alquimista
Atuação em Samba de Gafieira, Pagode e Samba Rock.

Duda Lima - www.ciadudalima.com.br 
Atuação em Biomecânica aplicada à Dança de Salão.

Laura e Rodrigo Piano - http://www.attitudedanca.com.br/
Atuação em Bachata

Nanci Folena
Atuação na coordenação pedagógica, "Desenvolvimento de projetos".

CUSTO DO 1º SEMESTRE:
Matricula R$ 195,00 mais 6 x R$ 195,00
Inscrições abertas para o GRUPO X inicio julho 2016.

MATRÍCULAS:
Na Secretaria do Studio Renato Mota de segunda a sexta-feira das 14h30 às 22h00, sábados e domingos das 14h30 às 18h30 fone: (11) 4426-9343 Rua: Marechal Floriano, 386, Vila Gilda, Santo André, ABC - SP e pela internet http://www.shopdance.com.br/ seção “Inscrição para Cursos”.

Duvidas entre em contato www.studiorenatomota.com.br
- Vagas limitadas; 
- Realização sujeita ao número mínimo de inscritos; 
- Receberá certificado o aluno que tiver, no mínimo, 80% de freqüência; 
- O curso será ministrado na sede do Studio em Santo André
- Feriados no calendário do Studio, já foram programados considerando os mesmos;

Páginas

Conheça mais sobre o Studio de Dança Renato Mota.

Conheça mais sobre o Studio de Dança Renato Mota.
Desde 1988 ensinando a arte de Dançar. Certificado Internacional emitido pela Conselho Internacional de Dança CID, Paris.

Aulas, cursos e shows especializada em Danças de Salão, tango e Milonga.

Rua: Marechal Floriano, 386, Vila Gilda, Santo André, ABC - SP. (11) 4426-9343 http://www.studiorenatomota.com.br/

Membro do Conselho Internacional de Dança CID, Paris.

Membro do Conselho Internacional de Dança CID, Paris.
CID é a organização oficial guarda-chuva para todas as formas de dança em todos os países do mundo. CID é reconhecido pela UNESCO, os governos nacionais e locais, organizações internacionais e instituições. Ele reúne as organizações internacionais, nacionais e locais mais importantes, bem como selecionar indivíduos ativos na dança. É uma organização não-governamental fundada em 1973 dentro da sede da UNESCO em Paris, onde está sediada. Seus membros são os mais importantes federações, associações, escolas, empresas e indivíduos em 155 países.

Projeto de lei 337/06 lei aprovada em 07/04/2016

Artes visuais, dança, música e teatro podem passar a integrar os currículos dos diversos níveis da educação básica, conforme substitutivo da Câmara dos Deputados (SCD) 14/2015ao PLS 337/2006, aprovado nesta quinta-feira (7) pelo Plenário do Senado. A matéria vai a sanção presidencial.

O texto altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – Lei 9.394/1996) estabelecendo prazo de cinco anos para que os sistemas de ensino promovam a formação de professores para implantação desses componentes curriculares no ensino infantil, fundamental e médio.

A lei já prevê que o ensino da arte, especialmente em suas expressões regionais, seja componente curricular obrigatório na educação básica, “de forma a promover o desenvolvimento cultural dos alunos”.

A proposta original, do ex-senador Roberto Saturnino Braga, explicitava como obrigatório o ensino de música, artes plásticas e artes cênicas. A Câmara alterou para artes visuais, em substituição a "artes plásticas", e incluiu a dança, além da música e do teatro, já previstos no texto, como as linguagens artísticas que deverão estar presentes nas escolas.

Para o relator da matéria na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), Cristovam Buarque (PPS-DF), a essência da proposta foi mantida no substitutivo da Câmara.

– Esse é um projeto que só traz vantagens, que é incluir o ensino da arte nos currículos das escolas. Sem isso, não vamos conseguir criar uma consciência, nem ensinar os nossos jovens a deslumbrar-se com as belezas do mundo, o que é tão importante como fazê-los entender, pela ciência, a realidade do mundo – observou Cristovam, na discussão da matéria em Plenário.